Início » Novos valores das multas de trânsito já estão em vigor

Novos valores das multas de trânsito já estão em vigor

by Portalagora

Juliana Lelis

Entrou em vigor ontem, 1º, as novas regras e reajustes nos valores das infrações de trânsito. Com o aumento de até 66% nas cobranças, a medida busca inibir as infrações com as penalidades mais pesadas. As modificações estão previstas na Lei nº 13.281 que altera o Código de Trânsito Brasileiro, e traz alterações não apenas nos valores, mas também, algumas mudanças nas infrações.

Algumas irregularidades como dirigir utilizando telefone celular, estacionar em vagas de deficientes e idosos e recusar fazer o teste do bafômetro, tiveram alterações na categoria da multa, e agora são consideradas infrações gravíssimas, com perda de sete pontos na carteira de habilitação.

Multas
Segundo o Detran-MG as multas tiveram seus valores reajustados em até 66%, agora a infração leve, que antes era R$ 53,20 passa a valer R$ 88,38, com perda de três pontos na carteira, a média vai de R$ 85,13 para R$ 130,16, e menos quatro pontos, a greve de R$ 127, 69 para R$ 195, 23, e cinco pontos e a gravíssima de R$ 191,54 para R$ 293, 47, e penalização de sete pontos na habilitação.

Infrações
Além das mudanças referentes ao uso de celular, recusa do teste de bafômetro e estacionar em vaga reservadas, o Detran informa sobre outras mudanças com a nova legislação, como  punição por falta de habilitação para condutores de ciclomotores e ciclo elétricos, e alterações na aplicação de penas para crimes.

No caso da punição referente a vagas reservadas, esta não vale apenas para idosos e deficientes, mas também para o condutor que estacionar em locais privados como mercados, shoppings e condomínios. E não para por aí, antes o condutor que atingia 20 pontos no período médio de 12 meses, estava sujeito à suspensão da CNH a partir de um mês, agora, o prazo mínimo será de seis meses e, na reincidência no período de um ano, o prazo será de oito meses a dois anos.

Porque aumentou?
Desde 2000 as multas básicas não sofriam reajustes, e em 2002 uma nova resolução fixou os valores atuais em reais. Agora com as mudanças os órgãos de trânsito buscam inibir as infrações, especialmente em casos considerados mais perigosos. Para os motoristas, a mudança pede atenção redobrada, para não sentir o peso no bolso, especialmente no final do ano. Ricardo Pimentel é consultor de vendas e confessa ter o hábito de usar o celular no trânsito.

—  Por causa da rotina louca de trabalho, às vezes em uma paradinha no sinal, eu acabo mandando uma mensagem, ou atendo uma ligação urgente enquanto dirijo, mas reconheço que não é uma atitude certa — confessou.

Rubia Leite já recebeu uma multa por uso de celular dirigindo e conta que agora deixa o aparelho dentro da bolsa para evitar repetir o erro.

— Eu sou muito viciada em celular, não largo para nada, e como gosto muito de redes sociais, às vezes aproveitava uma paradinha para dar uma conferida, mandar uma mensagem ou até gravar um snap, em uma dessa acabei sendo multada. Agora, vou cortar este hábito de vez — contou.

 

 

 

 

você pode gostar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O Portal de Notícias Jornal Agora é a fonte de informações mais confiável e abrangente para a nossa comunidade. Com foco exclusivo em acontecimentos que afetam diretamente nossa região, oferecemos uma visão única e aprofundada dos eventos locais, mantendo os residentes informados e engajados.

Notícias Recentes

Veja Também

@2024 – Todos os direitos reservados. Projetado e desenvolvido por @lethiciamauridg

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00