Início » Vitória garante Atlético na Libertadores

Vitória garante Atlético na Libertadores

by Portalagora

 

José Carlos de Oliveira

 

Atlético e Palmeiras se enfrentam na noite de hoje em Belo Horizonte, em mais um desafio dos dois clubes pelo Campeonato Brasileiro 2016. No primeiro turno, no Allianz Parque, em São Paulo, o Galo levou a melhor e venceu por 1 a 0.

A partida desta noite, válida pela 35ª rodada do Brasileirão, será disputada na Arena Independência. O jogo tem início marcado para as 21h. A arbitragem será de Bráulio da Silva Machado, de Santa Catarina, tendo como auxiliares Bruno Boschilia, do Paraná, e Neuza Inês Back, também de Santa Catarina.

 

Fazendo história

 

O Atlético vai defender esta noite uma invencibilidade de dez jogos frente o Palmeiras, com 9 vitórias e um empate. Em 4º lugar na tabela, com 60 pontos ganhos, o Galo precisa da vitória esta noite para ganhar força na luta para ficar entre os três primeiros colocados, que garantem vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores da América.

Um triunfo hoje, além de manter o Atlético na luta pelas primeiras colocações, terá um significado histórico para o clube alvinegro. Com a vitória o Atlético terá garantido pelo menos uma vaga nas fases preliminares do torneio continental, sendo pelo menos o 6º colocado, fazendo do Galo o segundo clube do Brasil a participar da Libertadores por cinco temporadas consecutivas. O recordista é o São Paulo, que participou do torneio, de forma consecutiva, de 2004 a 2010.

 

Time definido

 

Após o treino da tarde de ontem, na Cidade do Galo, o técnico Marcelo Oliveira relacionou os jogadores que ficarão à sua disposição para a partida de logo mais. Entre os relacionados, a grande surpresa é a estreia do lateral direito Alex Silva, criado na base do próprio clube, que tem a sua primeira grande oportunidade no clube.

Para encarar o líder Palmeiras, o treinador Marcelo Oliveira relacionou também os cinco selecionáveis que estavam disputando as eliminatórias sul-americanas por diversos países do Continente. O lateral esquerdo Fábio Santos, que estava com a seleção brasileira no Peru, desembarcou pela manhã em Belo Horizonte e já participou dos treinos de ontem à tarde.

Também foram relacionados os equatorianos Erazo e Cazares, o venezuelano Otero e o argentino Lucas Pratto. Otero, com dores no joelho, será reavaliado antes da partida, para saber se terá condições de jogo.

Com todos os jogadores à sua disposição, o técnico Marcelo Oliveira deve escalar o Atlético com: Victor; Carlos César, Gabriel, Erazo e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso, Luan, Robinho e Maicosuel; Fred.

 

Relacionados

 

Foram relacionados para a partida, os goleiros Victor e Giovanni; os Zagueiros: Erazo, Gabriel, Edcarlos, Jesiel e Ronaldo; os Laterais direitos: Carlos César e Alex Silva; os Laterais esquerdos: Fábio Santos e Leonan; os Volantes: Leandro Donizete, Júnior Urso e Rafael Carioca; os Meias: Maicosuel, Otero, Cazares e Carlos Eduardo; e os Atacantes: Robinho, Fred, Luan, Lucas Pratto e Clayton.

 

Punição para o Grêmio

 

A partida de volta, entre Atlético e Grêmio, na grande final da Copa do Brasil 2016, que está marcada para o dia 30 de novembro, tem tudo para não ser disputada na Arena do tricolor gaúcho, na cidade de Porto Alegre.

Na tarde de ontem, o Grêmio foi julgado pela Terceira Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e punido com a perda de um mando de campo na Copa do Brasil. Os auditores entenderam como grave o fato de a filha de Renato Gaúcho, Carol Portaluppi, ter entrado em campo, antes do final da partida, no duelo contra o Cruzeiro pelas semifinais da competição.

Os quatro auditores votaram pela aplicação da multa de R$ 30 mil e a perda do mando de campo. Já o presidente da 3ª Comissão Disciplinar votou por multa de R$ 10 mil, sem outra punição.

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, já adiantou que o departamento jurídico do clube entrará com pedido de efeito suspensivo até que o recurso seja julgado pelo Tribunal Pleno.

 

Nova fornecedora

 

Com o iminente rompimento de contrato com a Dryworld, atual fornecedora de material esportivo do Atlético, o clube está perto de fechar um acordo com a norte-americana Under Armour. No Brasil, a empresa tem contrato de exclusividade com o São Paulo até março de 2017 e, caso feche com o Galo, só passaria a estampar na camisa alvinegra após esse período.

O Atlético tem enfrentado problemas com a Dryworld e tentará, na Justiça, romper o contrato de cinco anos com a empresa – previsto para durar entre 2016 a 2020. Quando assinado, o acordo foi o maior da história do clube, já que renderia aos cofres alvinegros R$ 100 milhões (R$ 20 milhões por temporada).

Mas logo no primeiro ano de fornecimento, a Dryworld deixou a diretoria atleticana insatisfeita, principalmente com falhas na entrega de materiais nas lojas. Além disso, a empresa deixou de pagar compromissos assumidos com os atacantes Robinho, Lucas Pratto e Luan, que têm sido cobertos pelo clube.

 

você pode gostar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O Portal de Notícias Jornal Agora é a fonte de informações mais confiável e abrangente para a nossa comunidade. Com foco exclusivo em acontecimentos que afetam diretamente nossa região, oferecemos uma visão única e aprofundada dos eventos locais, mantendo os residentes informados e engajados.

Notícias Recentes

Veja Também

@2024 – Todos os direitos reservados. Projetado e desenvolvido por @lethiciamauridg

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00