Início » CSSJD amplia impacto social, tecnologia e segurança do paciente com novos equipamentos e parcerias estratégicas

CSSJD amplia impacto social, tecnologia e segurança do paciente com novos equipamentos e parcerias estratégicas

by JORNAL AGORA

O Complexo de Saúde São João de Deus (CSSJD) realizou na manhã desta sexta-feira, 28 de junho, uma cerimônia para a entrega simbólica de novos equipamentos adquiridos com recursos provenientes das Penas Pecuniárias. Esses equipamentos, que incluem sete Câmaras para Conservação de Medicamentos e Hemoderivados e quatro Monitores Multiparâmetros, já estão sendo utilizados no setor de farmácia e nos leitos de Terapia Intensiva Adulto, proporcionando uma significativa é importante melhoria no atendimento aos pacientes.

Além da entrega dos equipamentos, foi realizada também a assinatura simbólica do Termo de Parceria entre o Complexo de Saúde São João de Deus e o CEAPA – Programa Central de Acompanhamento de Alternativas Penais. Esta parceria visa estabelecer uma cooperação técnico-institucional para viabilizar o cumprimento de alternativas penais, com especial ênfase na Prestação de Serviços à Comunidade – PSC.

Na ocasião estiveram presentes colaboradores, gestores e diretores do CSSJD, além da Gestora Social da Unidade de Prevenção à Criminalidade do CEAPA do Programa de Inclusão Social de Egressos do Sistema Prisional, Jordana Lacerda e sua equipe; o Promotor de Justiça Atuante Junto à Vara de Execuções Penais, Doutor Marco Aurélio, o Juiz de Direito da Vara de Execuções Penais, Doutor Francisco de Assis Corrêa e o Presidente da APAC Divinópolis, Francisco Martins.

Na solenidade o Gerente de Relações Institucionais, Renato Ferreira, disse sobre a importância de parcerias para que momentos como este aconteçam.

— A nossa função, como Relações Institucionais é buscar e fazer parcerias. O que estamos vivenciando hoje é fruto de uma colaboração que aconteceu entre o Complexo de Saúde São João de Deus, em conjunto com Doutor Francisco de Assis Corrêa e o Doutor Marco Aurélio Rodrigues de Carvalho da Vara de Execuções Penais e da também com a Jordana Lacerda do CEAPA e graças ao apoio da Gerente de Hospitalidade, Vanusa Santos. Cada aliança firmada representa um compromisso compartilhado com a excelência e a inovação na assistência à saúde e para nós é muito gratificante fazer parte disso — expressou.

A Gestora Social da Unidade de Prevenção à Criminalidade do CEAPA e do PRESP – Programa de Inclusão Social de Egressos do Sistema Prisional, Jordana Lacerda, falou sobre a parceira.

— É uma grande satisfação estar aqui hoje para formalizar e comemorar esta parceria, neste dia de celebrações. Parcerias como esta são fundamentais pois possibilitam que as pessoas cumpram suas penas de forma adequada, sem prejudicar suas rotinas diárias de trabalho e outras atividades, ao mesmo tempo em que trazem benefícios para as instituições envolvidas. O que estamos realizando aqui hoje é um esforço conjunto que vai além da assinatura de um documento. é sobre preparar uma equipe para receber essas pessoas e promover discussões importantes sobre reintegração e penas alternativas — pontuou.

A Diretora Executiva – CEO do CSSJD, Elis Regina Guimarães, disse sobre os valores recebidos pelas verbas e como o setor de compras foi fundamental para esta aquisição.

— No dia 14 de dezembro de 2023, foi realizada a formalização da distribuição dessas verbas e hoje estamos aqui para comemorar essa conquista e celebrar nossa equipe de compras que transformou quatro câmaras em sete. Com o recurso de R$ 74.140,00 que foi depositado para aquisição das quatros Câmaras de Conservação conseguimos adquirir sete, que são três a mais do quantitativo homologado em edital. Graças ao brilhantismo do nosso setor compras, conseguimos um menor preço o que resultou na compras de mais aparelhos. O restante do recurso, no valor de R$ 74.664,00 foi direcionado para a aquisição de Monitores Multiparâmetros, e com esse valor, conseguimos comprar quatro unidades que serão de imensa importância para nossos leitos de Terapia Intensiva — explicou.

O Diretor Administrativo do CSSJD, Amarildo Sousa, disse sobre a nova parceira e como ela vai ao encontro às práticas ESG enraizadas na instituição.

— Nossa parceria com o Ceapa fortalece o compromisso que temos com as práticas de ESG (Governança Ambiental, Social e Corporativa), especialmente no âmbito social, pois este programa não apenas beneficia os indivíduos diretamente envolvidos, mas também fortalece nossa comunidade como um todo. Ao oferecermos alternativas penais que focam na recuperação e na reintegração, contribuímos para um futuro mais seguro e justo para todos, diminuindo a reincidência e promovendo comportamentos saudáveis que são metas que compartilhamos e que, estamos mais perto de alcançar — destacou.

O Diretor Presidente do CSSJD, André Waller, expressou sua alegria pela instituição ter sido contemplada em sua integridade em dois projetos das Penas Pecuniárias.

— Ficamos imensamente felizes com a decisão referente à escolha dos projetos para o edital nº 01/2023, onde o CSSJD foi integralmente contemplado em dois projetos importantes, que juntos somamos a quantia de R$ 148.804,00. A aquisição de sete Câmaras para Conservação de Medicamentos e Hemoderivados, que estão alocados nos setores da farmácia e os quatros Monitores Multiparâmetros, que já estão em uso nos leitos de Terapia Intensiva, fortalecem nosso compromisso com a excelência na assistência prestada pelo CSSJD, aprimorando ainda mais a qualidade do atendimento oferecido à nossa população — salientou.

O Promotor de Justiça Atuante Junto à Vara de Execuções Penais, Doutor Marco Aurélio Rodrigues de Carvalho, disse sobre a importância deste momento.

— Para nós do Ministério Público, especialmente na área de execução de penas, este momento de entrega de equipamentos adquiridos é uma etapa fundamental do nosso trabalho. Recentemente, percorremos diversas instituições que receberam recursos dessas penas pecuniárias e de acordos de não persecução penal, verificando de perto a transformação proporcionada por esses recursos. É uma grande satisfação verificar a aplicação desses recursos e ver como eles se transformam em equipamentos que ajudarão inúmeras pessoas, é extremamente gratificante — contou.

O Juiz de Direito da Vara de Execuções Penais, Doutor Francisco de Assis Corrêa, parabenizou a instituição pela aplicação dos recursos contemplados.

— Para nós, é uma tranquilidade saber que a administração atual trouxe um novo rumo para a instituição, superando desafios passados e recuperando a credibilidade. Parabenizo a equipe e peço a Deus que continue iluminando todos neste trabalho árduo, sempre prevalecendo a honestidade e a transparência, especialmente quando se trata de verba pública. Fico tranquilo ao ver que o Complexo de Saúde São João de Deus aplica essas verbas de maneira correta e eficiente, como já vimos em precedentes. Parabéns pela boa aplicação dos recursos contemplados pelo projeto aprovado — congratulou.

O Presidente do Conselho Curador do CSSJD, Doutor Willian Guimarães Madeira, contou como estava a situação da instituição quando a assumiu.

— Quando assumimos a administração do Complexo de Saúde São João de Deus, enfrentamos uma situação difícil. Lembro-me de dizer que nosso principal objetivo seria resgatar a credibilidade do hospital perante a sociedade e as entidades que pudessem nos ajudar. Naquela época, a instituição estava desacreditada, sem crédito na cidade e praticamente abandonada. O resgate dessa credibilidade foi a chave para nossa recuperação. Hoje, é gratificante ver que entidades públicas e políticos começaram a enxergar o hospital de outra forma, reconhecendo que está sendo gerido com transparência e fidelidade às verbas recebidas — ressaltou.

EQUIPAMENTOS
Durante o evento a Gerente de Infraestrutura, Luana Resende Fiore, falou sobre as sete Câmaras para Conservação de Medicamentos e Hemoderivados que foram adquirida com as verbas.

— Atualmente, nosso parque tecnológico conta com 14 Câmaras de Conservação, com uma média de 13 anos de uso. Com a aquisição dessas sete novas câmaras, conseguimos descontinuar duas antigas e adicionar ao nosso parque. Além disso, evoluímos para uma tecnologia que as câmaras anteriores não possuíam. Essas novas câmaras são energeticamente eficientes, com compressores que consomem menos energia, e possuem um sistema contínuo de monitoramento de temperatura com registros integrados. Isso permite que o farmacêutico responsável acesse todos os dados registrados, garantindo maior segurança para o processo e para os pacientes — esclareceu.

Além dela, o Coordenador da Engenharia Clínica, Washington Simões, disse como os monitores adquiridos são de grande importância para a instituição e as melhorias que eles trarão.

— Os Monitores Multiparâmetros são essenciais no nosso dia a dia de assistência. Temos um parque de 179 equipamentos, e esses novos monitores estão substituindo tecnologias antigas que dependiam de vários equipamentos. Enquanto um Monitor Multiparâmetro convencional monitora cinco parâmetros básicos, esses novos permitem monitorar até sete parâmetros, além da pressão invasiva e capnografia. Isso melhora significativamente o monitoramento do paciente, permite um acompanhamento mais preciso de sua condição e auxilia os médicos na tomada de decisões. Sem dúvida, esses equipamentos trarão grandes benefícios para o dia a dia do hospital — explicou.

CEAPA
O Programa Central de Acompanhamento de Alternativas Penais (Ceapa), criado em 2002, tem como objetivo geral contribuir para o fortalecimento e a consolidação das alternativas à prisão em Minas Gerais, pautando ações de responsabilização com liberdade.
O CEAPA busca criar alternativas em um contexto de crescimento acentuado da população carcerária, sendo responsável pela materialização e monitoramento das alternativas penais. As modalidades de alternativas penais desenvolvidas pelo programa são:
•​ Prestação de serviços à comunidade;
•​ Projetos temáticos de execução de alternativas penais por tipo de delito cometido (uso de drogas, crimes de trânsito, crimes contra o meio ambiente e pessoas em situação de conflito);
•​ Ações de responsabilização de homens processados e julgados no âmbito da lei Maria da Penha;
•​ Projetos de acompanhamento das pessoas em cumprimento de medidas cautelares diversas da prisão;
•​ Projetos e práticas de justiça restaurativa.

No encerramento da cerimônia, os convidados presentes foram direcionados para um café especial preparado pelos assistidos da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados – APAC Divinópolis.

você pode gostar

DEIXE UM COMENTÁRIO

O Portal de Notícias Jornal Agora é a fonte de informações mais confiável e abrangente para a nossa comunidade. Com foco exclusivo em acontecimentos que afetam diretamente nossa região, oferecemos uma visão única e aprofundada dos eventos locais, mantendo os residentes informados e engajados.

Notícias Recentes

Veja Também

@2024 – Todos os direitos reservados. Projetado e desenvolvido por @lethiciamauridg

7 edição - agora gastronomia
Abrir bate-papo
Fale com nosso time comercial
Olá!
Podemos ajudá-lo?
-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00